ALFACE SUBMETIDA À ADUBAÇÃO NITROGENADA E TENSÕES DE ÁGUA NO SOLO EM AMBIENTE PROTEGIDO - DOI: 10.7127/rbai.v13n4001003

Kassio dos Santos Carvalho, Marcio Koetz, Edna Maria Bonfim da Silva, Tonny José Araújo da Silva, Carlo Eduardo Avelino Cabral

Resumo


 A alface é uma cultura exigente em água, sendo o manejo adequado da irrigação importante, assim como a adubação nitrogenada, pois o nitrogênio é um nutriente que estimula o desenvolvimento da planta. Objetivou-se avaliar o efeito entre tensões de água no solo e níveis de adubação nitrogenada, no desenvolvimento da cultura da alface americana. O experimento foi conduzido em casa de vegetação e o delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial com 20 tratamentos (15, 30, 45 e 60 kPa da tensão de água no solo e 0,50,100, 150 e 200 mg dm-3 de nitrogênio) e quatro repetições. A fonte de nitrogênio usada foi à ureia e as tensões foram controladas por tensiômetros instalados a 10 cm de profundidade nas unidades experimentais adubadas com 100 mg dm-3 de nitrogênio. Na ausência de adubação nitrogenada e maior déficit hídrico, ocorreu maior produção de massa seca de raiz. O nitrogênio influenciou as variáveis analisadas, sendo que o intervalo de adubação nitrogenada deve ficar entre 68,33 e 84,36 mg dm-3 para que a cultura apresente seu maior desempenho agronômico e o solo mantido na tensão de 15 kPa.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Agricultura Irrigada - RBAI

ISSN: 1982-7679

E-mail: revista@inovagri.org.br

+55 85 32681597